Jejum Emagrecedor é bom para a saúde?

Jejum emagrecedor é o tópico do post de hoje. Muita gente está fazendo o tratamento com o emagrecedor Kifina e veio me perguntar sobre essa forma de potencializar o emagrecimento.

O que é Jejum Emagrecedor

Também é conhecido como jejum intermitente, é uma forma de se alimentar durante um período do dia e depois ficar muitas horas sem ingerir nada.

Esse tipo de dieta emagrecedora ficou muito famosa de uns tempos para cá depois de ter tido alguns famosos divulgando que a estavam utilizando.

Nesse blog já apresentamos os inúmeros benefícios de uma vida mais leve.

Os riscos dessa Dieta

Muitos defendem esse tipo de dieta dizendo que ela vem da antiguidade, inclusive a chamam de dieta neandertal. Dizem que lá atrás nós, os humanos, não tínhamos alimentos disponíveis em abundância como temos hoje e, por isso, ficávamos às vezes dias sem comer nada.

Essas mesmas pessoas omitem a informação de que naquela época nossa expectativa de vida era de 20 anos…

Ou seja, hoje já temos inúmeros estudos que provam a necessidade de nos alimentarmos de 3 em 3 horas, pois quando ficamos muitas horas sem nos alimentar nosso metabolismo começa a desacelerar.

Fora, que muitas pessoas que iniciam esse tipo de dieta começa a apresentar dores de cabeça, fraqueza, excesso de sono, falta de concentração…

Alternativas

Nós recomendamos que, ao invés de você ficar muitas horas sem comer, o que só vai piorar sua fome e fazer vocês ter vontade de comer um boi pela perna…

Você faça pequenos lanches ao longo do dia, isso pode ser até muito divertido, pois você poderá alternar a cada lanche, frutas, fibras como cereais, proteínas como iogurte, inclusive podendo inserir alguma “bobagem” em uma dessas pequenas refeições.

O importante é você não sentir fome, nesse ponto o emagrecedor Kifina pode realmente ajudar. Como já dissemos, esse produto atua no seu organismo se alimentando de grande parte da gordura ingerida.

Jejum Emagrecedor Conclusão

Nesse artigo você viu os riscos de cair em dietas da moda sem acompanhamento. Esses promotores do jejum intermitente querem vender cursos e programas, mas omitem os riscos de ficarmos muitas horas sem comer, principalmente se tivermos algum tipo de patologia, como diabetes ou algum problema de pressão ou cardíaco.

Você também viu que existem alternativas saudáveis e 100% naturais para você driblar a fome, como o emagrecedor Kifina, por exemplo, que age no seu organismo se alimentando do excesso de gordura dos alimentos.

Com isso, esperamos que você possa decidir pelo que fará melhor por sua saúde.

Como melhorar sua pele através da alimentação

Olá, Leitoras queridas, no post de hoje vou falar de alguns alimentos que melhoram nossa pele e protegem conta rugas e flacidez.

Antes de mais nada eu quero lembrar que existe um produto ótimo para isso, se chama Renova 31 e é vendido em cápsulas. Ele vai ajudar a potencializar os efeitos de uma boa alimentação.

Ranking dos alimentos

O primeiro deles é o Abacate, pois é rico em vitamina E, que ajuda no rejuvenescimento da pele.

O próximo é o chá verde, ótimo antioxidante e anti-inflamatório.

Depois temos a castanha-do-pará: é uma das principais fontes de selênio, que regula os hormônios do corpo.

Em seguida temos a Cenoura: rica em beta-caroteno, protege a pele contra o envelhecimento causado pelos raios solares.

Não esqueça do Brócolis: rica em nutrientes que favorecem a reprodução das células.

Seguindo temos as frutas vermelhas e roxas: ajudam a preservar o colágeno natural da pele por serem ricas em antocianinas.

Outro grande aliado na proteção da pele são os Ovos: Uma fonte completa de proteínas e aminoácidos, incentivam a produção de colágeno pelo nosso organismo.

Espero que você tenha gostado dessas dicas e até a próxima.